Banner Contato

Notícias

Voltar

20/10/2015

Apesar da crise, adesão ao programa Aprendiz Legal cresce na capital paulista

O programa Aprendiz Legal segue aquecido na capital paulista, apesar da crise, informa o presidente do Conselho de Administração do CIEE, Luiz Gonzaga Bertelli em artigo para o Correio Press. “Quem está empregado, tenta manter-se a todo custo, reduzindo gastos. Esse quadro cíclico, que reverbera na redução do Produto Interno Bruto (PIB) e nas taxas de crescimento, não são suficientes para interromper o aumento da confiança no programa Aprendiz Legal, que segue aquecido na capital paulista. Comparando os números de aprendizes em atividade no mês de setembro deste ano ante o mesmo período de 2014, registra-se um crescimento de 11,6%, com a quebra de um recorde: mais de 15 mil jovens entre 14 e 24 anos são beneficiados hoje pelo programa na cidade de São Paulo.”

Bertelli explica o programa que visa à formação profissional e cidadã de jovens para o mercado de trabalho, apoiado na Lei da Aprendizagem (n.º 10.097/2000.) e enfatiza que abrir oportunidades aos jovens é investir no futuro, garantindo resultados mais competitivos e animadores para todos os ramos de atividade.  

Argumentando sobre o desenvolvimento sustentável, Bertelli acredita que o crescimento na procura pelo programa est  na aposta das empresas em formar seus próprios talentos."Quando a crise se esvair, as empresas sabem da necessidade de ter um quadro qualificado de colaboradores, para atender a demanda gerada pela retomada de crescimento, que poderá ser comprometida pela crônica deficiência de mão de obra especializada."

Fonte: Correio Press

Voltar